topo

Convocadas novas Sessões Extraordinárias na Alesp: a luta contra o PL 529/2020 continua!

#NãoAoPL529 #EmDefesaDosServiçosPúblicos

As Sessões Extraordinárias na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), convocadas subitamente para forçar a aprovação do Projeto de Lei (PL) 529/2020, só demonstram o quanto o Governo está se sentindo acuado com o trabalho de mobilização dos servidores.

Nesta segunda-feira, 5 de outubro, houve sessão, mas sem o quórum necessário para abrir a votação do PL 529/2020. Enviado à Alesp pelo governador João Dória, o projeto prevê o aumento na contribuição do Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual de São Paulo (Iamspe), com a cobrança por cada dependente e agregado, e a extinção de 10 autarquias e fundações fundamentais para a população de São Paulo, principalmente órgãos ligados à saúde, habitação e ciência.

Com o PL 529/2020, o Governo do Estado vai viabilizar o confisco de recursos das entidades que tiverem dinheiro em caixa, tirando o superávit delas, e usando de acordo com a sua conveniência.

Duas sessões extraordinárias já foram convocadas para esta terça feira, 6 de outubro, com início às 19 horas.

A mobilização deve continuar! Respeitando as regras sanitárias, haverá um Grande Ato hoje (6/10) na Alesp contra a votação do PL 529, a partir das 16 horas.

E um novo tuitaço também será realizado, com início às 16 horas e que se estenderá até o final das sessões. O link do banco de tuítes colaborativo: https://bit.ly/3hKLXKA

Participe, servidor, se manifeste contra esse absurdo Projeto de Lei, mais um ataque aos servidores e ao serviço público!

É necessário seguir com a resistência! Juntos somos mais fortes!