28 de abril é greve geral! Assembleia define Praça Mauá, em Santos, como ponto de concentração

Na noite desta quarta-feira, 26 de abril, foi realizada a Assembleia Geral que discutiu os últimos detalhes da greve geral que vai parar o Brasil nesta sexta-feira (28). Com a presença de representantes da Assojubs, do Sintrajus e de diversas categorias de trabalhadores da região, o ponto principal do debate foi a definição da concentração da paralisação na Baixada Santista: a Praça Mauá, em Santos, a partir das 10 horas.

A Assembleia foi realizada na sede do Sindicato dos Petroleiros do Litoral Paulista, em Santos, e contou com a participação de cerca de 400 pessoas, entre dirigentes das centrais sindicais e entidades, trabalhadores e estudantes.

“É com essa união que estamos vendo aqui que vamos conseguir barrar essas reformas trabalhista e da Previdência, a retirada de direitos que estão impondo a nós!”, declarou Michel Iorio Gonçalves, presidente da Assojubs e coordenador geral do Sintrajus.

Ato em Santos A partir das 10h30 desta quinta-feira, 27 de abril, servidores do Judiciário estadual, federal, da Justiça do Trabalho e membros da OAB promovem um ato conjunto preparatório para a greve geral à entrada do Palácio da Justiça, na Praça José Bonifácio, no Centro de Santos.

Dia 28/4: Vamos parar o Brasil! Por nenhum direito a menos! Contra o governo e seu golpe aos trabalhadores, contra o desmonte da Previdência, a reforma trabalhista e a terceirização total e irrestrita!