8 de março: Homenagem da Assojubs ao Dia Internacional da Mulher


🔊 Clique para ouvir o texto

A história do 8 de março

O primeiro registro da criação do Dia Internacional da Mulher remete a 1910 pela ativista Clara Zetkin, durante a II ConferĂȘncia Internacional das Mulheres Socialista em Copenhague, na Dinamarca. Ela propĂŽs que as trabalhadoras de todos os paĂ­ses organizassem um dia especial das mulheres, cujo primeiro objetivo seria promover o direito ao voto feminino.

Com condiçÔes de trabalho precĂĄrias, jornadas de 14 horas e semanas de seis dias, o movimento trabalhista se intensificava nos Estados Unidos e na Europa. Em 25 de março de 1911, ocorreu um incĂȘndio na fĂĄbrica Triangle Shirtwaist, Nova York, que matou 146 trabalhadores, incluindo 125 mulheres – a maioria imigrantes judias e italianas, entre 13 e 23 anos.

A comoção em torno da tragédia contribuiu para o fortalecimento do movimento trabalhista nos Estados Unidos. E ao redor do mundo, pelos anos seguintes, as mulheres continuavam a reivindicar direitos.

Em 8 de março de 1917, na RĂșssia, mulheres tecelĂŁs e familiares de soldados do exĂ©rcito tomaram as ruas de Petrogrado, atual SĂŁo Petersburgo, um movimento que assumiu o carĂĄter de greve geral e de luta polĂ­tica. Essa mobilização deu inĂ­cio Ă  Revolução Russa, que derrubou a monarquia e levou ao poder o Partido Bolchevique, de Vladimir LĂȘnin.

Nos anos seguintes, o Dia da Mulher passou a ser comemorado na mesma data. O 8 de março foi institucionalizado em 1975 pela Organização das NaçÔes Unidas com a finalidade de lembrar as conquistas sociais, políticas e econÎmicas das mulheres, independentemente de divisÔes nacionais, étnicas, linguísticas, culturais, econÎmicas ou políticas.

Algumas das conquistas das mulheres brasileiras desde o primeiro Dia Internacional da Mulher:

1932 – Mulheres brasileiras conquistam o direito ao voto em todo território nacional.

1933 – É eleita a primeira deputada brasileira: Carlota Pereira de Queiroz.

1962 – Mulheres garantem o direito de trabalhar fora de casa sem a permissão dos maridos.

1977 – A Lei do DivĂłrcio Ă© aprovada.

1985 – É criada a primeira Delegacia da Mulher.

1988 – Com a nova Constituição, mulheres garantem igualdade de direitos.

2006 – É sancionada a Lei Maria da Penha, que prevĂȘ penas mais duras aos atos de violĂȘncia contra a mulher.

2010 – Dilma Rousseff Ă© eleita a primeira presidente mulher do Brasil.

2015 – É aprovada a Lei do Feminicídio.