Assojubs e Sintrajus solicitam às comarcas informações sobre os EPI’s disponibilizados aos oficiais

🔊 Clique para ouvir o texto

Diante da preocupação com os servidores do Judiciário nesse momento em que há um ascenso da curva de contaminação pelo COVID – 19 (coronavirus) no Brasil, e, respectivamente, aumento dos óbitos, a Assojubs e o Sintrajus encaminharam ofícios às comarcas da Baixada Santista, Litoral Sul, Litoral Norte e Vale do Ribeira no intuito de obter informações sobre o retorno dos oficiais de justiça ao trabalho normal, com o cumprimento de todo tipo de mandado e não apenas os urgentes.

Nos ofícios, a Assojubs e o Sintrajus solicitam esclarecimentos acerca do número de oficiais de justiça em cada comarca, a quantidade e qualidade dos equipamentos de proteção individuais (EPI’s) encaminhados pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) à localidade e quantas unidades foram disponibilizadas a esses servidores.

Os ofícios foram enviados às seguintes comarcas: Apiaí, Bertioga, Cananéia, Caraguatatuba, Cubatão, Eldorado, Guarujá, Ilhabela, Iguape, Itanhém, Itariri, Juquiá, Jacupiranga, Miracatu, Mongaguá, Pariquera-Açú, Peruíbe, Praia Grande, Registro, Santos, São Sebastião, São Vicente e Ubatuba.