Assojubs/Sintrajus nas comarcas de Cubatão e Praia Grande em convocação para a Audiência Pública na

Nesta segunda-feira, 27 de agosto, Michel Iorio Gonçalves, presidente da Assojubs e coordenador geral do Sintrajus, esteve nas comarcas de Cubatão e Praia Grande no intuito de reforçar o chamado para a Audiência Pública sobre o nível universitário para os escreventes técnicos judiciários: o Dia E!

A Audiência Pública será em 30 de agosto, a partir das 18h30, na Câmara Municipal de Santos, na Praça Tenente Mauro Batista de Miranda, 1, Vila Nova. O foco é a discussão acerca da valorização dos escreventes, a maior carreira dentro do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP), com a implementação do nível universitário, graduação que já é uma realidade no Judiciário.


Os convites para a participação na Audiência Pública à Presidência do Tribunal e ao atual governador Márcio França (PSB) já foram feitos e aguardam respostas.

A Assojubs e o Sintrajus disponibilizam transporte para a Audiência Pública. Se você, servidor, for de Bertioga, Guarujá, Mongaguá, Itanhaém, Praia Grande ou São Vicente entre em contato com a associação para fazer sua inscrição. O telefone da Secretaria é (13) 3223-2377.

Sobre a Campanha Salarial, o representante falou da Proposta Orçamentária Setorial (POS) elaborada pelo TJ para o exercício de 2019, no valor de R$ 22.700.504.933,00. Mas lembrou que o documento não contempla a majoração do auxílio saúde e da discrepância entre os valores da reposição entre servidores, de 4,5%, e magistrados, de 16,38%.

Michel Iorio Gonçalves ressaltou que somente com a unidade da categoria é que se pode alcançar os objetivos. O índice de 1,81% pago pelo Tribunal é muito pouco. E com a recente sanção da Lei 305/2018, que dobrou a arrecadação das taxas judiciárias, destinando agora 70% ao TJ-SP (60% ao Órgão e 10% para as diligências dos oficiais de justiça), é possível majorar os auxílios, principalmente o saúde.

30 de agosto: Dia E! Fortaleça essa campanha pela valorização da carreira, escrevente! Convoque os colegas a participarem da Audiência Pública, o Dia E de luta!