CCM IAMSPE: Luis Moreno é eleito presidente e Michel Iorio segue na coordenadoria do Litoral

A Comissão Consultiva Mista do Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual tem um novo presidente: José Luis Moreno Prado Leite, da Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo), eleito na manhã desta quinta, 26 de maio, para o biênio 2022-2024. E Michel Iorio Gonçalves, tesoureiro da Assojubs, segue na coordenadoria da CCM Iamspe no Litoral.


MESA DIRETORA E COORDENADORIAS DA CCM IAMSPE

A formação completa da Mesa Diretora demais coordenadorias da CCM Iamspe, cuja eleição foi realizada no Centro do Professorado Paulista (CPP), na Capital, é a seguinte:

Presidente - José Luis Moreno Prado Leite (Apeoesp);

1º vice-presidente - Claudio Massakazu Yamawaki (CPP);

2ª vice-presidente - Ana Cristina Manente (AFIAMSPE);

Coordenação Capital - Regina Aparecida Bueno (SindSaúde) e Rosalina Chinone (Udemo), suplente - Lilia A. C. R. Camargo (Amiamspe);

Coordenação Grande São Paulo - Laismeris Cardoso de Andrade (CPP) e Ana Paula Miriani (Apeoesp), suplentes - Apolinário Gentil Leite Vieira (Sifuspesp) e Naiara Reis de Almeida Perrucci (Aspal/ Afalesp);

Coordenação Interior - Luiz Danone Filho (Sifuspesp) e Marlene Aparecida Octaviano Camilo (Apeoesp), suplentes - Abigail Toniol de Oliveira e Nilson Silva (ambos Apeoesp);

Coordenação Litoral - Guilherme Coelho de Souza Nascimento (Capesp) e Michel Iorio (Assojubs), suplente - Adeildo Vila Nova da Silva (AASPTJ-SP).


PDL 22: Agentes penitenciário acampados à entrada da Alesp Após a formação da nova Mesa Diretora e coordenadorias da CCM Iamspe, Michel Iorio Gonçalves e Rosângela dos Santos (Assojubs e Sintrajus), Guilherme Nascimento (Capesp) e Carlos Amado (Apeoesp) foram até o acampamento que os/as agentes penitenciários organizaram à entrada da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) pela aprovação do PDL 222/2020, que anula o Decreto 65.021, sobre o confisco nas aposentadorias e pensões.


ENTIDADES NO ACAMPAMENTO À ENTRADA DA ALESP

O Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 22/2020, de autoria do deputado Carlos Giannazi (PSOL), susta os efeitos do Decreto 65.021, cuja contribuição previdenciária dos aposentados e pensionistas passou a incidir sobre o valor dos vencimentos que excedem o salário mínimo vigente.


O acampamento formado pelos/as agentes penitenciários tem o apoio do Sindcop (Sindicato dos Agentes de Segurança Penitenciária e demais Servidores Públicos do Sistema Penitenciário) e Sifuspesp (Sindicado dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo).


Fotos: Cedidas pelos integrantes da CCM Iamspe