Com a palestra “Alimentação Que Cura e Fortalece”, Assojubs recebe mais uma vez Edgard A

No dia 2 de março a Assojubs recebeu novamente Edgard Andrade, desta vez com a palestra “Alimentação Que Cura e Fortalece”, apresentada no Auditório da sede de Santos em dois períodos: às 16 horas, direcionado aos aposentados, e às 19h30, para os servidores e seus convidados.

Edgar Andrade é palestrante formado pelo Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), escritor (com sete livros publicados) e terapeuta. Trabalha com neuroconscienciometria, cura sistêmica e programação neurolinguística.

E assim como na outra oportunidade em que esteve na associação, Andrade falou sobre sua história com a balança e a perda de peso – mais de 20 kg – apenas por meio de uma alimentação adequada, sem o uso de remédios, exercícios excessivos, procedimento cirúrgico ou passando fome – as tão sofridas e diferentes dietas.

Por sua experiência, o palestrante ressaltou que não há uma fórmula para o emagrecimento. O que o indivíduo deve fazer é pesquisar sobre as diferentes substâncias ingeridas dentre os seis tipos existentes e observar seu organismo para entender quais podem ser benéficas, ou não, para sua saúde.

Em suas explanações, explicou que há seis tipos de alimentos. Os energéticos, construtores, reguladores e funcionais, que não podem faltar, e os produtos alimentícios e os antialimentícios, com os vilões da dieta como o glúten, conservantes e refrigerantes.

A alimentação deve sempre conter substâncias energéticas, construtoras, reguladoras e funcionais, independente do que se coma, pois o corpo está programado para metabolizar o que é ingerido transformando em açúcar, o que se chama de combustível do organismo, e depois em gordura. O interessante é buscar as opções desse grupo que mais agradam ao paladar.

As melhores fonte de proteínas completas, segundo Andrade, são a quinoa (75%) e o ovo (47%). As carnes boas (34%) e o leite (16%) também são proteínas completas, mas com percentuais menores.

O palestrante ressaltou que muitas doenças acontecem porque o corpo está desregulado. E que atualmente 99% das pessoas estão comendo errado, mas acreditam que estão comendo certo. Até a pirâmide alimentar, esquema gráfico com os vários tipos de substâncias e as proporções que devem ser ingeridas nas refeições, mudou, pois os organismos também se modificaram ao longo dos anos, pois cada corpo tem detalhes genéticos, sanguíneos.

O que se deve fazer é estudar e observar o corpo para entender o que ele quer e os sinais que manda em resposta. E, assim, viver com saúde. O palestrante, ao final das sessões, esclareceu dúvidas dos participantes. Edgard Andrade ministra diversos cursos presenciais e online, incluindo o que versa sobre o poder dos alimentos. As informações estão disponíveis em sua página na Internet: www.edgarandrade.com.br