top of page

Cubatão promove atividade preparatória para a greve geral; Assojubs/Sintrajus encontra Paulo Dimas d

As atividades preparativas para a greve geral do dia 28 de abril continuam. Na manhã desta terça-feira, 25 de abril, servidores da Comarca de Cubatão, com apoio e organização da Assojubs e Sintrajus, que integram a Frente Sindical Classista da Baixada Santista, coletivo de entidades que desenvolvem em unidade a luta das categorias de trabalhadores na região, estiveram reunidos à entrada do fórum.

O foco da mobilização foi contra o “pacote de maldades” apresentado pelo governo de Michel Temer (PMDB), que tem em seus projetos o desmonte da Previdência, a reforma trabalhista e a terceirização total e irrestrita.

Michel Iorio Gonçalves, presidente da Assojubs e coordenador geral do Sintrajus, fez a convocação para a participação dos servidores na paralisação da próxima sexta-feira (28) e algumas falas sobre a retirada de direitos conquistados – muitos históricos – que ocorrerá com as reformas impostas pelo Governo.

O dirigente enfatizou que só há uma forma para reverter essa retirada de direitos: “Somente as ruas podem mudar essa situação. Ou assistimos como espectadores esse retrocesso ou viramos protagonistas desse capítulo da história do nosso país”.

A Assojubs esteve representada ainda por Regina Helena Assis, secretária geral, e Gisele Alonso, diretora de Convênios.

Encontro com Dimas Pela manhã, Michel Iorio Gonçalves esteve presente na inauguração do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania de Cubatão, cerimônia que contou com a presença do presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, desembargador Paulo Dimas de Bellis Mascaretti.

Após a solenidade, o presidente da Assojubs esteve com Paulo Dimas e já adiantou ao magistrado que as entidades representativas vão encaminhar um ofício solicitando uma reunião com ele na segunda quinzena de maio. Outra colocação feita por Michel Iorio foi acerca da remuneração aos servidores que até hoje realizam as audiências de conciliação de forma voluntária.

NENHUM DIREITO A MENOS, RUMO À GREVE GERAL!

Cronograma Dia 27/4: mobilização em Santos Às 10h30 ato preparatório para a greve geral em conjunto com os servidores da Justiça Federal e Justiça do Trabalho à entrada do Fórum Estadual da Comarca (prédio central)

Dia 26/4: Assembleia Geral A partir das 19 horas, a Frente Sindical Classista da Baixada Santista, as centrais sindicais e demais sindicatos realizarão uma Assembleia Geral para discutir e definir os últimos detalhes da paralisação no auditório do Sindipetro-LP (Avenida Conselheiro Nébias, 248, Vila Mathias, Santos)

Dia 28/4: Vamos parar o Brasil! Por nenhum direito a menos! Contra o governo ilegítimo e seu golpe aos trabalhadores, contra o desmonte da Previdência, a reforma trabalhista e a terceirização total e irrestrita!

Outras fotos

Opmerkingen


bottom of page