DJE: TJ divulga portarias sobre as revisões dos auxílios saúde e alimentação

Na última reunião entre as Assojubs, Sintrajus e demais entidades representativas dos servidores e o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Paulo Dimas de Bellis Mascareti, realizada no dia 16 de março, no Palácio da Justiça, na Capital, Michel Iorio Gonçalves, presidente da associação e coordenador geral do sindicato, tocou no assunto da majoração do auxílio saúde, lembrando que na pauta apresentada, o pedido é chegar no valor de R$ 500, 00, tendo em vista os planos de saúde serem altos, principalmente para os aposentados.

O presidente respondeu que o Tribunal precisa avaliar o impacto financeiro que tal reivindicação implicaria aos cofres do TJ-SP. Mas adiantou que o Fundo Especial de Despesas, de onde sai o dinheiro para o pagamento dos auxílios, tem um limite. Do FED também sai montantes para quitar aluguéis, informatização e indenizações. Dimas ficou de falar sobre a reivindicação na próxima tratativa com as entidades, que acontecerá dia 31 de março, às 10h30.