Conjur destaca protesto de servidores em concurso de selfie do TJ; site ressalta que “tiro sai

O protesto dos servidores de diferentes comarcas da Baixada Santista, com apoio da Assojubs e do Sintrajus, por meio do Concurso Cultural “Selfie Premiada”, promovido pelo Tribunal de Justiçado Estado de São Paulo (TJ-SP) foi destaque desta quinta-feira, 13 de outubro, no site Consultor Jurídico. O Conjur ressaltou que os trabalhadores aproveitaram a oportunidade para reivindicar o pagamento de uma diferença de 4% de reajuste salarial, auxílio saúde de R$ 500, 00 e demandas locais ou específicas das carreiras.

Tal menção no site do Conjur, de grande acesso entre os servidores do judiciário, demonstra que a luta é válida nas diversas formas apresentadas.

Aos servidores interessados em participar, ainda dá tempo, pois o Concurso foi prorrogado até o próximo domingo (16/10). Para imprimir o material das plaquinhas, basta clicar nos links dos dizeres Cadê meus 4%? ou Auxílio saúde de 500 reais. Os critérios estão disponíveis no Diário da Justiça Eletrônico (DJE) de 28 de setembro (clique aqui para acessar o edital).

Trabalhadores do Judiciário, uni-vos! Sejam igualmente criativos, demonstrem sua indignação!

Segue a matéria publicada no Conjur:

TIRO PELA CULATRA Concurso de selfie do TJ-SP vira plataforma de protesto de servidores 13 de outubro de 2016, 14h25


Nem telefone celular, nem menção honrosa. O que os servidores do Tribunal de Justiça de São Paulo querem é melhores condições de trabalho e reposição salarial. O concurso criado pela corte para premiar o servidor que fizer a melhor selfie no ambiente de trabalho virou um jeito de protestar.

Reprodução/Assojubs


As inscrições foram prorrogadas até o próximo domingo (16/10). Muita gente tem aproveitado para reivindicar o pagamento de uma diferença de 4% de reajuste salarial, auxílio saúde de R$ 500 e instalação de equipamentos nos locais de trabalho, por exemplo. Psicólogos e assistentes sociais reclamam mais valorização.

Inicialmente, o concurso previa apenas uma homenagem aos três servidores que tirassem a foto mais criativa, segundo a avaliação da comissão julgadora. Um apoio do Sindicato dos Notários e Registradores do Estado de São Paulo (Sinoreg) garantiu a premiação com três telefones celulares.

Fonte: Conjur